Fim das férias escolares: o ócio e o tempo de estudo



Últimos dias de férias escolares e as crianças já começam a ficar apreensivas para o reencontro com os amigos, mas também com a retomada do ritmo escolar, com cumprimento de horários e estudos. Essa apreensão, apesar de normal nesse período, acaba preocupando pais e cuidadores, especialmente ao que se refere à transição entre o tempo ocioso e a volta às aulas. Alguns se preocupam com a necessidade de uma nova adaptação. Outros, com as possíveis dificuldades a serem enfrentadas com a volta das responsabilidades.

Primeiro temos que compreender que os tempos se misturam, não há uma barreira que imponha limites entre o tempo de ócio e o tempo de estudo.

Nada de compreender que as férias tenham servido para recarregar baterias, pois nessa ideia há uma ideologia mecanicista bastante cruel que sussurra aos ouvidos da mente que homens sejam máquinas e que as escolas são subservientes aos meios de produção e por isso são em sua essência opressoras e desgastantes. Férias e aulas devem viver em harmonia, ambas a serviço da pessoa, ambas precisam coincidir na felicidade; e embora sejam tempos bem distintos, nas duas devem ocorrer muitas aprendizagens. 

Estudantes se divertindo no Stoquinho em período de férias escolares

As férias não devem ser consideradas apenas como um tempo de dar bobeira, embora ficar sem fazer nada tenha que fazer parte dela. As férias costumam ser um tempo que a criança ressignifica o que aprendeu na escola. Repare a alegria de uma delas, que ao ter acabado de apreender sobre o bioma dos pampas, no Ensino Fundamental, tenha viajado pela primeira vez ao sul do Brasil e norte do Uruguai. A criança se coloca no contexto social como um indivíduo interessado e mais maduro. Isso que é férias, isso é que é vida!

Penso que haja dois movimentos bastante básicos e fundamentais à mente, são eles: a ação e a reflexão. E ação e reflexão estão presentes nas férias e nas aulas.  Se nas férias não tiver havido tempo para a ação de aprender, de ressignificar, ler e aplicar a inteligência no desenvolvimento privilegiado do que mais gosta, bem como se não tiver tido tempo para uma completa reflexão sobre o semestre que passou, considerando as alegrias que viveu, as frustrações e dificuldades que encontrou, terá desperdiçado tempo preciso para ter se oportunizado ao crescimento.  

Após as férias, a rotina é retomada e o ritmo deve estar impregnado no modus vivendi do estudante, enquanto ser e os estímulos bem dosados, nunca excessivos e nunca ausentes.  A alternância equilibrada entre ação e reflexão deve permear todo o tempo da vida. Quando se fala em ritmo/estímulo também deve-se buscar equidade, pois se o ritmo for em descompasso ao estímulo proposto, certamente haverá desperdício de tempo ou de conteúdo.  Manter a mente ativa independe da atividade, e não existe o contrário disso para o ser humano, isto é a inatividade, pois quando a inatividade ocorrer para nós, deixamos de ser. 

Atividade artística realizada nas férias escolares

E, em se falando de rotina: uma palavra dura, que remete ao monótono, ao enfadonho, a mesmice. Em primeira análise, rotina lembra algo mecânico e bem chato. No entanto, precisamos compreender que rotina significa seguir uma rota e segue uma rota quem tem um norte, um objetivo para se alcançar, tem rotina quem compreende que seguir uma estrada não significa ver todo dia a mesma paisagem, pois o dia e a noite se alternam, bem como as estações do ano modificam o que se pode avistar ao longo do caminho. 

A rotina nada mais é que um atalho, um catalizador de sonhos, se eu quero chegar ao meu destino, a estrada, com segurança, pode me conduzir até ele, assim é a rotina. Eu posso fazer dela algo diferente, mas essa diferença estará dentro de mim, encarando que para eu poder criar novos caminhos, descobrir novas rotas preciso aprender com aquelas que já foram abertas. A rotina deve ser encarada como forma de alternância e não de repetição sem significado. Fazer com que os filhos prestem atenção nos detalhes, certamente contribuirá para encararem que a rotina não seja enfadonha, mas sim sutil, eu percebo que o jardim da escola pode estar diferente, que o cabelo dos amigos pode ter mudado, que o perfume da professora pode ser outro, ao mesmo tempo que eu reencontro a segurança de manter as amizades que conquistei, o conhecimento que tenho sobre as coisas e principalmente a conservação do sentimento de pertença.   

É importante que se reserve um tempo para a reorganização e quando se trata disso, compreendo que deva fazer parte da reorganização a própria reafirmação ou ruptura do que já estava sendo feito ou minimamente que seja uma revisão dos tempos e formas de como lidamos como o cotidiano dos tempos de aula. Os pais sejam primeiramente modelos inspiradores para seus filhos, mas não só modelos, mas sim integradores de um tempo onde não só os filhos, mas toda família, se reúne para uma atividade comum: planejar o segundo semestre, de forma que com tranquilidade e tempo suficientes possam fazer desde um simples arrumar de armários até mesmo uma reforma daquela planilha do cotidiano que habitualmente fica pregada na porta da geladeira. 

Arte realizada pelos estudantes durante as férias escolares

Por Prof. Roberto Belmonte Júnior – Pedagogo e Diretor Pedagógico do Ensino Fundamental no Colégio Stocco desde 2009 com formação em Administração Escolar, Filosofia, Filosofia da Educação, Didática e Sociologia da Educação.

Colégio Stocco potencializa ensino com aulas de Robótica Educacional


A Robótica Educacional potencializando o ensino dos estudantes do Colégio Stocco

O mundo mudou, a maneira de aprender e de ensinar também sofreram mudanças. E é por tudo isso, que o Colégio Stocco tem um olhar especial para a educação tecnológica. Aprender de maneira diferente, por meio das tecnologias, essa é uma das principais funções dos estudantes do ensino fundamental durante as aulas e eventos de robótica. Não se trata de uma aula solta, de um curso extra que está presente só por estar.  Desde os primeiros anos do ensino fundamental I, os estudantes realizam montagens desafiadoras. Nas montagens passo a passo trabalham conceitos tecnológicos de maneira mais específica.

Já nas montagens com temas, eles partem de uma situação problema, uma imagem ou até mesmo um conteúdo trabalhado em sala de aula, tais como meio ambiente, meios de transporte, raciocínio lógico entre outros, desafiando nossos estudantes a colocarem em prática o que já aprenderam, além de exercitarem o trabalho em equipe, aspectos cognitivos, sociais e emocionais.

Estudantes desenvolvendo projeto na aula de robótica
Estudantes em aula prática de robótica

 

 

 

 

 

 

 

     

A dinâmica dos estudantes do 5º e 6º ano nas aulas de robótica aplicada no Colégio Stocco 

A partir do 5º ano, os estudantes começam a motorizar suas construções, sejam em montagens passo a passo, seja em montagens com temas que eles tenham desafios. A programação começa a partir do 6º ano. Começamos com a introdução do que é algoritmo e desafios com programação em blocos, como no site programae.org.br, no qual com jogos de trilhas eles aprendem de maneira lúdica a utilizar lógica de programação. Tudo isso para que sejam capazes de programarem seus robôs nos mais diferentes desafios. E não podemos deixar de mencionar a presença constante da matemática, seja nas construções, como também nas programações, pois eles sempre são desafiados a criar e desenvolver estratégias durante todo o processo.

Estudantes programando em aula de robótica
Estudantes analisando projeto na aula de robótica

 

 

 

 

 

 

                                                                                                                                                            Colégio Stocco participa de campeonatos internos e externos de robótica

Estudantes e professora do Colégio Stocco recebem premiação na OBR

Além de tudo isso, o Colégio Stocco tem um olhar diferenciado quando se trata de campeonatos. Participamos todos os anos da OBR – Olimpíada Brasileira de Robótica, levando alunos do 6º ao 9º ano a trabalharem programações avançadas, trabalho em equipe e resoluções de problemas. E ainda falando em campeonatos, temos o nosso campeonato interno de robótica, o Robotocco. Sendo esse também um grande diferencial do nosso colégio. Tudo acontece com um tema específico apresentado através de diversos desafios. A partir daí, os estudantes devem criar seus robôs a fim de executar os desafios. Mais uma vez eles são estimulados a trabalhar em equipe, a realizar uma competição saudável e a exercitar a resolução de problemas.

Protagonismo é o que move a educação tecnológica do Colégio Stocco. Porque o que nós acreditamos é no estudante como protagonista no processo de aprendizagem.

 

 

 

Clique na imagem abaixo e confira o vídeo:

 

 

Projeto Inovar: tempos de mudança para o Colégio Stocco


Colégio Stocco moderniza e desenvolve o que seu filho merece

Novos tempos chegaram e com eles novas ideias e grandes oportunidades. O Colégio Stocco, tradicionalmente forte na qualidade de ensino, apresenta sua proposta de melhorias para 2018 e 2019. Ampla e abrangente, ela traz diversas inovações – de modernização dos ambientes a novos projetos pedagógicos. Saiba quais são essas inovações a seguir.

Nossa escola chegou ao século XXI com um ensino forte, de qualidade e que se revela nas conquistas que obtivemos ao longo desses anos em olimpíadas, campeonatos, jogos escolares…

Mais a maior delas é a formação de gerações formadas há mais de seis décadas, o que demonstra que o nosso compromisso se mantêm desde a fundação.

Dessa maneira, avançamos no tempo sem perder a nossa essência da qualidade imprescindível na educação.

Por isso, estamos mudando e inovando, com ousadia e inteligência. Reestruturando nossos espaços, modernizando-os, para ampliar as possibilidades de aprendizagem e construção do conhecimento pelos nossos estudantes a fim de que vivenciem as melhores práticas para a formação deles e consigam enfrentar desafios no mundo contemporâneo.

Modernização ampla, abrangente com foco no estudante

Por meio de novos projetos inovadores em tecnologia, inglês e outras áreas e da aquisição de equipamentos de alta tecnologia, os estudantes têm oportunidades de aprender, de investigar, criar e desenvolver as múltiplas inteligências, pois afinal são pessoas únicas e com grande potencial.

Sabemos que as práticas pedagógicas inovadoras são fundamentais para estimular a busca do conhecimento e para um processo de formação dos indivíduos.

Em espaços diferenciados e adequados para o uso das tecnologias, tais como a Sala de Robótica, o Espaço Maker, o Digital Land e a Biblioteca, o Stocco permite-se continuar crescendo e se renovando.

Mas não é só isso.

Nosso complexo educacional é composto por auditório, piscina (recentemente reinaugurada) [Matéria – Reinauguração da piscina], Casa de Tarzan, Casinha de Bonecas, Tobogã, hortas, pomares, parques diferenciados, quadras coberta e descoberta, parede de escalada, refeitórios, salas com recursos multimídia, laboratório, entre outros espaços que privilegiam a formação de nossas crianças e jovens.

Estamos expandindo nossos serviços com qualidade e com vitalidade permanentes, com inovações que impactam na gestão pedagógica, administrativa e nas práticas docentes, investindo nos alunos, nos professores e na equipe técnica.

Acompanhe a lista completa de inovações da primeira fase do Projeto Inovar

Unidade 1

– Modernização da casinha de bonecas – mobiliário e decoração;

– Novo tobogã integrado à natureza;

– Nova Casinha do Tarzan;

– Novo Mirante do Canavial, com vista para toda a área verde do Colégio;

– Novos bancos de madeira espalhados pelos jardins;

– Novos galinheiro e novas aves;

– Novo Jardim Sensorial – aromas e texturas;

– Modernização das salas de aula Infantil 5, 1º ano e Sino;

– Reforma da sala dos coordenadores e banheiros do casarão;

– Construção de novo espaço para Infantil 1;

– Transformação do chalé em uma biblioteca;

– Modernização do refeitório e mobiliário;

– Novas placas de sinalização;

– Pintura externa da Unidade;

Unidade 2

– Construção de um circuito gigante de novos brinquedos da Erê Lab;

– Novo tanque de areia colorida;

– Novo teatro de arena integrado à natureza;

– Reforma completa da biblioteca, sala de robótica e informática;

– Aquisição de novos equipamentos tecnológicos, kits Lego e Playtable;

– Modernização do pátio e nova cobertura, para atividades esportivas e recreativas;

– Pintura externa da Unidade

Unidade 3

– Contratação da Tiezzi Arquitetura para renovação dos ambientes e criação de novos espaços;

– Decoração artística pela artista plástica Tânia Turcato;

– Transformação completa da biblioteca;

– Digital Land – novo espaço digital para atividades diversas;

– Sala Maker e Robótica – novo espaço tecnológico;

– Aquisição de máquina de corte a laser – CNC, impressora 3D, lousa digital e outras ferramentas;

– Nova Praça de Alimentação, moderna, bonita e aconchegante;

– Nova sala da coordenação de Educação Física;

– Modernização do salão de jogos e aquisição de equipamentos;

– Novos brinquedos para área externa;

– Nova sala da coordenação pedagógica;

– Revitalização do Lounge;

– Nova sala de música e ensaios com tratamento acústico e disponível aos alunos;

– Revitalização dos corredores do colégio;

– Modernização de todas as salas de aula, com novo mobiliário e equipamentos;

– Novas placas de sinalização;

– Pintura externa da Unidade;

Novas propostas pedagógicas, mesmos fundamentos

As mudanças constantes na sociedade e a chegada de novos recursos nas diversas áreas do conhecimento nos leva a refletir sobre as formas de aprender e ensinar nesse século.

Nossa Proposta Pedagógica vem ao encontro desse novo tempo, que exige a contribuição das escolas para o desenvolvimento do pensamento crítico, autônomo e ético dos alunos perante a sociedade.

O Stocco sempre trabalhou pedagogicamente neste sentido e, com a criação de ambientes e a chegada de novos equipamentos, mais uma vez tem a oportunidade de inovar também nesta área, portanto, novos projetos pedagógicos seguirão as inovações anunciadas.

Esta é a primeira fase de inovações do Colégio Stocco, oferecendo a modernização e o desenvolvimento que os estudantes merecem.

 

Clique na imagem abaixo e confira o vídeo:

Projeto Inovar: tempos de mudança para o Colégio Stocco